8 de fevereiro de 2010

A ver...

Diamante de Sangue

Título original (filme): Blood Diamond
Ano de lançamento: 2006
Duração: 138 min
Direcção: Edward Zwick
Elenco: Leonardo DiCaprio, Jennifer Connelly, Djimon Hounson, Kagiso Kuypers…

No fim de ver este filme, senti-me bem pois ele mostra outro lado que nem todos nós imaginamos que se possa viver e ao mesmo tempo à uma sensação de tristeza pelo actor principal morrer no fim do filme, mas como nem todos os finais podem ser felizes, tudo deve ser diferente para cativar a atenção de quem está a ver o filme de forma a suscitar o seu interesse em novos filmes relacionados com este tema.
Para mim este filme é algo essencial pois é um filme que nos mostra a realidade que muitos atravessam, faz-nos ter consciência de que nem tudo é perfeito, guerra atrás de guerra não resolve nada, todos nós temos de nos entender sem necessitar de alcançar a violência. Para mim este filme também mostra um grande clima de tristeza, pois ninguém sabe para onde vai, todos se usam uns aos outros para alcançar um fim, mostram grande persistência na esperança de uma vida melhor.
A Palavra que me chamou mais à atenção neste filme foi “utopia”, pois esta palavra significa algo fantástico, uma espécie de paraíso, algo imaginário que todos os habitantes da Serra Leoa gostavam que ela fosse, e que um dia pudessem viver num mundo perfeito no meio da civilização ideal, cheio de pureza acima de tudo.
Na minha opinião este filme podia não usar tanta violência, mas penso que esse seja um factor que o realizador queira mostrar ao público para assim dar a conhecer realmente o que acontece com o fim de chocar as pessoas para que elas vejam o que pode acontecer tão rapidamente e tão catastroficamente.
O Actor Leonardo Dicaprio que interpretava o papel de Danny Archer deveria de ter seguido em frente com o seu amor, sem ter morrido, ele e Maddy deviam de ter lutado pelo seu amor até ao fim, esse foi um pequeno obstáculo que deixou um pouco de tristeza no filme.

Daniel Morais, 10ºC

video

Sem comentários: